ASTROFÓRUM
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Jean Nicolini.

Ir em baixo

spica Jean Nicolini.

Mensagem  Bruno Qua 13 Jun 2012, 12:15

Sem dúvida foi o maior astrônomo amador brasileiro. O seu nome está perpetuado no Observatório Municipal de Campinas em São Paulo, no Dicionário de Astronomia e Astronáutica do astrônomo Ronaldo Mourão e na galeria dos laureados pela Sociedade Astronômica da França.
Nasceu em São Paulo em 1922 e a sua devoção incondicional à astronomia teve início com a leitura dos livros do famoso astrônomo francês Flammarion.
Foi um profundo conhecedor da história antiga da astronomia. Em 15 de outubro de 1948 fundou em São Paulo o Observatório do Capricórnio. Observou o Sol sistematicamente por mais de 40 anos, e foi onde realizou estudos importantíssimos sobre os períodos das atividades solares inclusive utilizando um Celostato (aparelho também chamado de Heliostato cuja função é enviar a luz do sol através de dois espelhos em uma direção fixa onde se encontra um telescópio). Foi um exímio observador e conhecedor de todos os tipos de instrumentos fossem refratores ou refletores. Seu ponto alto foram as suas observações e registros do planeta marte através de um refletor casseigran de 600mm do Capricórnio. Mais tarde ele foi transferido para Atibaia e atualmente encontra-se incorporado ao Observatório Municipal de Campinas como um monumento tendo como o pilar principal esse competente e experimentado observador.
Devido ao seu alto grau de profissionalismo as suas observações na determinação do período de rotação de Vênus e a elaboração do mapa meteorológico de Marte (foi o maior observador brasileiro do planeta vermelho) renderam-lhe imediato reconhecimento internacional culminando em um livro extraordinário sobre o clima marciano. Foi também um caçador de TLPs na superfície lunar, e das suas quatro observações de TLPs a que recebeu maior destaque foi a realizada durante a complicada missão da Apollo 13, na cratera Censorinus e considerada a mais importante das três feitas por astrônomos brasileiros.
Publicou dois livros indispensáveis: "Marte, o Planeta do Mistério" e o "Manual do Astrônomo Amador".
Faleceu trágicamente aos 69 anos de idade no dia 23 de julho de 1991, quando seu Volkswagen bateu violentamente numa mureta de concreto quando irônicamente voltava do observatório.




Bruno
Bruno
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 6521
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 58

Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum