Júpiter 2014

Página 4 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Pires em Seg 30 Mar 2015, 18:01

AGM escreveu:Caros Colegas.
Li grande parte desse tópico e vi discussões quase que exaltadas.
O Astro Fórum é um lugar onde em primeiro lugar, temos todos os tipos de adeptos à Astronomia, ou seja, desde os mais iniciantes e inexperientes que buscam o nosso auxílio até os mais experientes e estudados, e nesses, buscamos o "Mar da Tranquilidade".
É nos mais experientes que esperamos um esclarecimento das nossas questões, do contrário o AF teria que se dividir em três segmentos e níveis de site, para que se pudesse questionar tudo em mesmo nível de aprendizado.
Quanto a astrofotografia, vejo que, na minha opinião, para mostrar ao leigo o mais próximo possível o que se vê numa ocular, o processamento das fotos através de dezenas ou centenas de frames se faz necessário e não é um trabalho fácil, tem seu valor e finalidade de estudo. Eu particularmente, prefiro um frame único ou vídeos, onde faço os meus denominados "videos contemplativos".
Os métodos e preferências de cada um mudam com o tempo, de acordo com a evolução e percepção do astrônomo amador e entrar em conflito e discussões ressaltando mais dúvidas do que esclarecimentos, isso sim, é um choque de asteróides, onde partes vão para um lado e partes para outro, mas lembrem que mesmo assim, estamos ainda dentro de um mesmo universo.

Ola
 Como chama esse fórum?
fórum de discussões. ( discussão não é briga),   prefiro ser chamado de radical do que   de hipócrita.. Falo o que sinto doa a quem doer..
Se  alguém se sente ofendido, me desculpe, com quase 73  anos não vou mudar..
concordo em parte com que escreveu mas  como foi    que contestei um método que acho erradíssimo, ( filmagem de  12   minutos ou mais, 4 a   5 pausas  para dizer poucas, , enfim,  para mim fotos  manipuladas ( isso não quer dizer fotos falsas!!!!!!),  e  o que mais   me motivou foi o método e o equipamento rudimentar que foi utilizado. Nem sei o  PC  qual é,   mas  isso já passou, terminou etc... Método  cada um tem mas é só  raciocinar que  da para perceber que  fotos desse tipo são muito manipuladas por vários softs,  programas etc...São fotos artísticas e não reais...e  isso se esta   tornando um problema mundial. as pessoas duvidam, discordam mas na hora  "Parabéns, maravilhosa etc. e por tras, : essa foto é  manipulada, é  isso, é aquilo.   Falsidade não faz parte de meu dicionário.
enfim, obrigado por participar mesmo tardiamente mas  foi legal.
O que me estranhou foi o Avani  que   já  usou esse método sem acompanhamento e  concorda em parte comigo mas ficou calado.   FALA AVANI!!!!!,  rssssssssss

Pires
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 192
Data de inscrição : 06/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Daniel Vitor em Seg 30 Mar 2015, 21:46

Olá a todos, venho compartilhar algumas astofotografias de minha autoria, ambas com um telescópio dobsoniano de 254mm (sem motorização) e uma câmera planetária ASI 120MC, usando projeção positiva com uma plossl 10mm que veio no telescópio da SkyWatcher.
obs: Na fotografia de Saturno, por não saber ainda o padrão correto de acompanhamento manual (no braço, mas pausando e reiniciando a captura), coloquei na resolução máxima gravei sem pausar por um minuto. Claro que perdi um pouco de qualidade por conta da vibração por conta do acompanhamento manual sem pausar a captura, mas o resultado ficou considerável tendo em vista este método.



Daniel Vitor
Curioso
Curioso

Mensagens : 6
Data de inscrição : 30/03/2015
Idade : 21
Localização : Minas Gerais - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Seg 30 Mar 2015, 21:48

Amigos.
Antes mesmo de começara a acompanhar este tópico já havia deixado minha opinião sobre astrofotos em outra oportunidade e alguns colegas devem se lembrar. Disse que vejo algumas fotos que, de tão processadas, ficam parecendo um desenho ! Também disse, e esse é apenas um gosto pessoal, que não tenho "saco" para ficar usando tantos programas de processamento, mas que não tenho nada contra aos que usam. Certa vez um membro do CF disse que astrofotografia é para masoquista de tão trabalhoso que era fazer uma simples foto. Com certeza ele exagerou, mas para mim, se não existe prazer no que se faz não há o porque de fazê-lo. Já me sentia totalmente desanimado com a astrofotografia, mas após tanto investimento na construção do meu observatório, necessitava de "algo mais" além de ficar fazendo apenas observações visuais. Graças a Deus esse "algo mais" apareceu em minha vida, que foi a câmera de vídeo astronomia Mallincam. Com ela o trabalho de fazer fotos e vídeos se resume a apontar o tele para o objeto, ligar a câmera, fazer pequenos ajustes e por fim "clicar" no programa de captura. Pronto, a foto já está feita, sem necessidade de nenhum programa de processamento a mais. As vezes, para dar uma melhorada no brilho e contraste, uso o photoshop para dar aquele retoque especial, mas na maioria das vezes não é necessário. Isso me dá um enorme prazer e um grande sentimento de que "também consigo". Claro que essas fotos não são "aquelas fotos" mas as faço sem muito esforço. Repito: Não sou contra aos novos recursos ou métodos que estão aparecendo a cada dia pois a evolução é um caminho natural em nossas vidas e as vezes temos até que fazer um certo esforço para acompanhá-las. Fico pensando qual será o futuro da astronomia com tantos avanços e novidades em softwares e equipamentos Question Com certeza será maravilhoso... cheers
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Seg 30 Mar 2015, 21:49

Daniel Vitor escreveu:Olá a todos, venho compartilhar algumas astofotografias de minha autoria, ambas com um telescópio dobsoniano de 254mm (sem motorização) e uma câmera planetária ASI 120MC, usando projeção positiva com uma plossl 10mm que veio no telescópio da SkyWatcher.
obs: Na fotografia de Saturno, por não saber ainda o padrão correto de acompanhamento manual (no braço, mas pausando e reiniciando a captura), coloquei na resolução máxima gravei sem pausar por um minuto. Claro que perdi um pouco de qualidade por conta da vibração por conta do acompanhamento manual sem pausar a captura, mas o resultado ficou considerável tendo em vista este método.


Suas fotos não apareceram Daniel.
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Daniel Vitor em Seg 30 Mar 2015, 21:54

Perdão, eu não consegui usar a ferramenta "inserir uma imagem" de forma correta rs, aqui estão:
http://www.astrobin.com/full/161620/0/
http://www.astrobin.com/full/161512/0/

Daniel Vitor
Curioso
Curioso

Mensagens : 6
Data de inscrição : 30/03/2015
Idade : 21
Localização : Minas Gerais - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Seg 30 Mar 2015, 22:22

Daniel Vitor escreveu:Perdão, eu não consegui usar a ferramenta "inserir uma imagem" de forma correta rs, aqui estão:
http://www.astrobin.com/full/161620/0/
http://www.astrobin.com/full/161512/0/
Vc usa o mesmo método do Flavio18, ou seja, afocal e tele sem acompanhamento. Se eu estiver errado me corrija por favor:
Pelo que entendi a câmera fica fixa em um suporte em frente a ocular e não apenas na mão.
Os planetas correm por todo o campo visual da ocular enquanto estão sendo filmados e este filme é então centralizado pelo Castrator. Depois este filme é processado no AS!2 e Registax para fazer a foto final. É isso mesmo ou me perdi em alguma coisa ?
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Daniel Vitor em Seg 30 Mar 2015, 22:37

Dry escreveu:
Daniel Vitor escreveu:Perdão, eu não consegui usar a ferramenta "inserir uma imagem" de forma correta rs, aqui estão:
http://www.astrobin.com/full/161620/0/
http://www.astrobin.com/full/161512/0/
Vc usa o mesmo método do Flavio18, ou seja, afocal e tele sem acompanhamento. Se eu estiver errado me corrija por favor:
Pelo que entendi a câmera fica fixa em um suporte em frente a ocular e não apenas na mão.
Os planetas correm por todo o campo visual da ocular enquanto estão sendo filmados e este filme é então centralizado pelo Castrator. Depois este filme é processado no AS!2 e Registax para fazer a foto final. É isso mesmo ou me perdi em alguma coisa ?
O método é o de Projeção positiva mesmo, consiste em acoplar câmera na ocular, para haver a convergência dos feixes de luz até o sensor. Usei o SharpCap para a captura. "O planeta se movia", então eu pausava o video e reposicionava o astro, até atingir uns 2000 frames a 40fps. Nestas fotos eu não utilizei o Castrator, e no processamento utilizei o AS!2 e o REGISTRAX 6, ajustei o gamma e a saturação.

Daniel Vitor
Curioso
Curioso

Mensagens : 6
Data de inscrição : 30/03/2015
Idade : 21
Localização : Minas Gerais - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Seg 30 Mar 2015, 22:44

Daniel Vitor escreveu:
O método é o de Projeção positiva mesmo, consiste em acoplar câmera na ocular, para haver a convergência dos feixes de luz até o sensor. Usei o SharpCap para a captura. "O planeta se movia", então eu pausava o video e reposicionava o astro, até atingir uns 2000 frames a 40fps. Nestas fotos eu não utilizei o Castrator, e no processamento utilizei o AS!2 e o REGISTRAX 6, ajustei o gamma e a saturação.
Legal. Então vc não deixou o planeta se mover muito no campo da ocular reposicionando-o várias vezes ?
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Daniel Vitor em Seg 30 Mar 2015, 22:51

Dry escreveu:
Daniel Vitor escreveu:
O método é o de Projeção positiva mesmo, consiste em acoplar câmera na ocular, para haver a convergência dos feixes de luz até o sensor. Usei o SharpCap para a captura. "O planeta se movia", então eu pausava o video e reposicionava o astro, até atingir uns 2000 frames a 40fps. Nestas fotos eu não utilizei o Castrator, e no processamento utilizei o AS!2 e o REGISTRAX 6, ajustei o gamma e a saturação.
Legal. Então vc não deixou o planeta se mover muito no campo da ocular reposicionando-o várias vezes ?
Isso mesmo, esta é uma captura do mesmo dia, eu "perdi" o planeta e aproveitei para converter o vídeo para postar no youtube, a captura é exatamente assim:
https://www.youtube.com/watch?v=gsAhpxmxMwY&feature=autoshare

Daniel Vitor
Curioso
Curioso

Mensagens : 6
Data de inscrição : 30/03/2015
Idade : 21
Localização : Minas Gerais - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Ter 31 Mar 2015, 10:46

Amigos.
As vezes estamos tão acostumados com os métodos que usamos que simplesmente nos esquecemos que vários usuários deste fórum não tem a menor ideia do que está sendo dito, principalmente na área da astrofotografia. No entanto todos tem um grande interesse em aprender e as vezes os termos são tão complicados que muitos sequer ousam em perguntar. Para que todos possam evoluir é necessário ensinar, ou ao menos, compartilhar nossas conquistas técnicas. Não é o caso da discussão em questão, mas quando o Flavio18 informou apenas que suas fotos foram feitas com acompanhamento manual, projeção positiva e câmera mono, de imediato criou uma certa confusão que ao invés de ser esclarecida tomou proporções além do que se destina este fórum. Na verdade o acompanhamento manual foi usado durante a pausa do vídeo para reposicionar o objeto na ocular e softwares foram usados para o trabalho final. Ok, queremos ser objetivos, mas uma técnica que trás bons resultados e é diferente da tradicional deve ser bem explicada para que todos possam usufruir de seus benefícios e evitar desconfiança por parte dos demais colegas que ainda não as utilizam. Essa é minha opinião pessoal !
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Pires em Ter 31 Mar 2015, 13:27

Vou tentar esclarecer   uma vez por todas o que  foi  o começo da discussão e também o que está sendo comentado pelos colegas que  no começo não participaram:
Projeção positiva, negativa, Barlow,  foco direto são coisa elementares que qualquer  adolescente que tem uma lunetinha conhece  e que não   vão fazer  com que a imagem  de um planeta  seja  de altíssima qualidade mesmo com uma ocular, ou mesmo Barlow  sem precisão optica, isso é do conhecimento desde a  época antiga quando se usava  câmeras  de filme  (ex: 35mm). foi citado  que nem precisa de uma optica boa. (sic)  então  ai  mexeu  com o que conheço pois ao longo de  30 anos fazendo optica e telescópios...
A  discussão se resume em um ponto apenas:   A  imagem é projetada pelo espelho primário  no foco ( caso   seja parabólico!!!)  e  fim de papo. O que se coloca na frente  funciona apenas como uma lupa  de aumento e  o sensor da câmera  pega essa imagem e os dados  que "o  espelho primário mostra" faz  o que todo  astrônomo com a mínima noção do instrumento  sabe e  já deve ter feito com celular, web cam etc.. O que eu discuto e discordo é   que  não se consegue  burlar tanto a turbulência atmosférica assim  em uma filmagem manual, alias  3 a 4  filmagens (Lrgb) onde a  pausas,   varias filmagens e  uso de   programas que revertem o "tempo", Isso  não é que não existe, sim  existe mas é irreal!  fotos desse tipo são altamente manipuladas  (manipuladas não quer dizer   falsas!!!)  e  a  foto sai  com detalhes   muito  bonitos, lindas fotos mas ao meu ver são fotos artísticas e não fotos  reais..  Agora  projeção   positiva, negativa etc  são coisa primarias em astrofotografia. isso não vai resolver nada  em matéria de qualidade   de imagem, Isso  em 1994 eu ja usava em uma ccd  Starlight Xprees M5c . "quem vai mostrar qualidade   da imagem e os dados  é o ESPELHO PRIMARIO.  O  resto  depende da qualidade  da ccd ou cmos, da  quantidade de  FPS, e  tempo  o mais rápido possível  e  por isso se fazem câmeras cada vez   mais rápidas.   MAS  hoje  existe softs  que fazem verdadeiros "milagres"   que  eu não aceito. EX:  a turbulência atmosférica não  apenas desvia  o  objeto a ser filmado e sim o  distorce  alterando a forma, tamanho etc, isso não tem como consertar  mas faz com que o programa  consiga   ajustar mesmo precariamente uns  60 a 70%  dos frames recolhidos. Como   todos os livros mostram  que   o maior inimigo do telescópio é a turbulência atmosférica então não há como burlar,  e sem burlar  não se consegue  uma foto  que foi apresentada aqui sem manipulação via computador. Essa é a questão básica da discussão. Eu não aceito  filmar  12 a 15 minutos  fazendo varias filmagens  sendo que jupiter em 1 minuto  e meio já  girou!!!  então    mesmo usando aparelhagem  sofisticada . Outro  problema  crucial  que cito que até agora ninguém pensou: Uma montagem alt azimutal não serve para astrofotos de longa exposição devido  ao "giro" do planeta pois  não está em "equatorial", dai a meade inventou nas montagens  dos cassegrains  um focalizador giratório que acompanha esse giro   que a equatorial  germânica faz tão bem,   então  essa invenção nem tem função?  porque  a meade se preocupou  tanto com isso?  tem mais esse problema:  em  um dobsoniano   ele funciona como  alt azimutal!!   12  minutos  vai alterar  a  imagem , as faixas irão   ficar fixas e não girando como na equatorial germanica . Como consertar isso??   que programa vai  além de   alinhar, consetar o giro. as faixas equatoriais , manchas , etc... serão alteradas..  então discutir sobre projeção  positiva  é   uma coisa tão simples e não tem nada a ver  com a  qualidade da imagem..  qualquer astrônomo mesmo que inexperiente  ja fez isso...que nem deveria ser citada devido aos   problemas que uma montagem alt azimutal e  manual podem dar em uma foto e dai a minha   critica ,pois a foto apresentada é  de altíssima qualidade e sem  nenhum giro, etc. Técnica?  sim  mas de computador e programs e não da projeção optica feita pelo espelho primário, da ocular ou  do método , então ao meu ver é uma foto bonita mas artística. EX:   uma jogadora de basquete queparece o artista já falecido jack palance vestido de saia,   pousa na play boy e vira uma miss.   será que  ela quando levanta é assim? .. Não...  deve até assustar...
tdou mais essa contribuição nessa discussão que já  passou dos limites do bom senso...e que stá sendo desviada e amanhã os menos informados vão acabar com o estoque de plossl 10mm   das lojas.. rsss
Dpires

Pires
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 192
Data de inscrição : 06/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Ter 31 Mar 2015, 14:01

Pires escreveu: EX:   uma jogadora de basquete queparece o artista já falecido jack palance vestido de saia,   pousa na play boy e vira uma miss.   será que  ela quando levanta é assim? .. Não...  deve até assustar...
tdou mais essa contribuição nessa discussão que já  passou dos limites do bom senso...e que stá sendo desviada e amanhã os menos informados vão acabar com o estoque de plossl 10mm   das lojas.. rsss
Dpires
Laughing Laughing Laughing E vc ainda fala que tá ficando velhinho Dario ! Estou com 51 e quero chegar na sua idade com esse senso de humor e lucidez, perfeitos ! Mas a evolução não tem jeito amigo e a única coisa que podemos fazer é aceitar, mesmo que não nos agrade. Jack Palance foi legal demais kkkkkk...
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Astroavani em Ter 31 Mar 2015, 21:54

Calado porque estava longe da internet caro Darío!
Estou em viagem, só volto amanhã e hoje por acaso achei um wifi.

Bom a verdade é que eu fiz muitas fotos no braço, mas no método afocal, e não no método de projeção positiva ou negativa. Nunca usei em afocal uma camera dedica como a ASI ou a QHY 5L que sózinhas mesmo sem barlow ou ocular de 10mm já geram um aumento absurdo e que resulta em um acompanhamento quase impossível.
Eu usava uma camera comum, que tinha um campo bem generoso.
O Flavio falou que eu processei TIFs enviados por ele e isto é verdade.
Eu reconheço que o seeing dele é invejável perto do nosso, e que mesmo com poucos frames seria possível obter uma boa foto, mas isto era enquanto ele dizia que fazia as fotos com uma camera colorida, neste caso eu conseguia aceitar, difícil era, e muito, mas não completamente impossível.
Porem do momento em diante que ele afirmou fazer as fotos em LRGB a dificuldade multiplicou por 4 e embora não seja totalmente impossível é realmente muitíssimo difícil.
Comprei um GSO dobs novamente e vou tentar fazer fotos no braço só para testar a possibilidade mas como eu já estou velho também creio que não vou ter muito êxito, imagina..... ficar acompanhando e pausando o PC, recoloca no campo, reinicia o PC, pausa, inicia, pausa.....
Sei lá vou tentar como eu falei!
Eu tenho um grupo secreto no face, só com amigos escolhidos a dedo e até estava mexendo com eles por causa das fotos do Flávio!
Disse ao pessoal que a gente era uns trouxas!!!! Ficar comprando equipamentos caros, montagens de alto nível e tal para fazer uma fotinhos mixurucas pra quê?
É só usar um dobs no braço e pronto.
Enfim, como falei no FB, hoje em dia cada um faz como quer, se a foto não for roubada, ser apenas editada não é um pecado mortal, a maioria hoje em dia faz assim, uns mais outros menos. Creio que isto deve ser uma opção do fotógrafo entre foto artística e fotos reais.
Eu gosto de fotos reais e detesto fotos pintadas, podem ser uma porcaria perto das pintadas, podem não ser tão admiradas mas são as que me dão satisfação!

Astroavani
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 419
Data de inscrição : 03/08/2012
Idade : 57
Localização : Canoas, RS

http://astroavani.no.comunidades.net/index.php

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Pires em Ter 31 Mar 2015, 22:30

Dry escreveu:

LaughingLaughing:lol:E vc ainda fala que tá ficando velhinho Dario ! Estou com 51 e quero chegar na sua idade com esse senso de humor e lucidez, perfeitos ! Mas a evolução não tem jeito amigo e a única coisa que podemos fazer é aceitar, mesmo que não nos agrade. Jack Palance foi legal demais kkkkkk...[/quote]

Oi Dry. rss. sim   temos que aceitar evolução mas voltar para tras  com um dobsoniano e sem  acompanhamento ca entre nós não é evolução. Evolução é uma NEQ¨pro ou    mais moderna, um CGE pro, Uma outra que esqueci o nome,  etc.   uma optica impecável e  uma câmera  de  alta qualidade, assim sim evoluímos...
Mas, o resto  deixa pra lá.. ..... é o resto...  
abraço
em tempo: Vai chegar sim na minha idade e dai verá  o que é bom pra tosse rssss.

Pires
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 192
Data de inscrição : 06/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Pires em Ter 31 Mar 2015, 22:40

Astroavani escreveu:Calado porque estava longe da internet caro Darío!
Estou em viagem, só volto amanhã e hoje por acaso achei um wifi

Oi Avani. não tem problema.
te conheço rsss..  sei que fez  imagens  no braço,   mas  sabe muito bem que um alt azimutal (dobsoniano)  complica muito pois não tem como   fazer a  circunferência do eixo polar de uma equatorial e  a imagem de longa exposição   sempre borra... Mas milagres acontecem, veja  o exemplo que dei da jogadora de basquete  .. rssss, é  só entender de photoshop e  não esquecer de colocar o umbigo rssss.
abraços
Darío Pires
mesmo com seeing  bom  não sei não!. É  o que falei:  os americanos estão gastando dinheiro atoa. Pra que hubble se com um dob  no braço se consegue  uma foto sem  problemas de turbulência?  atmosfera já era!!  agora é  projeção positiva..  (coisa mais velha que minha avó!! rsss.)..

Pires
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 192
Data de inscrição : 06/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Ter 31 Mar 2015, 22:52

Pires escreveu:
Oi Dry. rss. sim   temos que aceitar evolução mas voltar para tras  com um dobsoniano e sem  acompanhamento ca entre nós não é evolução. Evolução é uma NEQ¨pro ou    mais moderna, um CGE pro, Uma outra que  esqueci o nome,   etc.   uma optica impecável e  uma câmera  de  alta qualidade, assim sim evoluímos...
Mas, o resto  deixa pra lá.. ..... é o resto...  
abraço
em tempo: Vai chegar sim na minha idade e dai verá  o que é bom pra tosse rssss.
Rsrsrsrsrs.
Dario, estava me referindo a evolução dos softwares, que como vc mesmo disse chegam a fazer "milagre". Cada dia aparece um novo com mais recursos, que possibilitam edições até então ditas como impossíveis. Também já li sobre grandes telescópios que por meio de computadores conseguem compensar a turbulência atmosférica e exibir imagens tão nítidas como as do Hubble. Da mesma forma que o telescópio vem evoluindo, os softwares, câmeras, oculares etc também continuarão a evoluir, é inevitável. Na minha modestíssima opinião, tudo que se inventar para melhorar, simplificar e sobre tudo diminuir os custos da astronomia amadora, é bem vindo.
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Astroavani em Ter 31 Mar 2015, 22:52

Ahhh, antes que eu me esqueça!

Depois que eu vi as fotos do Daniel Vitor (outro de 18 anos!) cheguei a conclusão que a nossa geração já era (eu também passei dos 50!).
Estou firmemente decidido a vender meu setup e me aposentar da fotografia!
Imagina....., o rapaz conseguiu pegar até o olho do furacão do hexágono polar de Saturno em uma foto colorida ( nem o Damian ainda fez!) apenas eu e mais um dois no mundo conseguimos isto usando filtros Long Pass 610 nm e no IR Pass 685 e 742 nm.
Ficar fazendo fotos pra quê, temos que abrir espaço para esta rapaziada genial que está surgindo.
Avani.

Astroavani
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 419
Data de inscrição : 03/08/2012
Idade : 57
Localização : Canoas, RS

http://astroavani.no.comunidades.net/index.php

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  flavio18 em Ter 31 Mar 2015, 23:00

Pires escreveu:Projeção positiva, negativa, Barlow,  foco direto são coisa elementares que qualquer  adolescente que tem uma lunetinha conhece  e que não   vão fazer  com que a imagem  de um planeta  seja  de altíssima qualidade

Afirmação errada, citei aqui numa resposta anterior um brasileiro que faz também faz excelentes fotos em projeção positiva. E pra piorar, um membro, Daniel Vitor, postou neste tópico uma foto de altíssima qualidade vinda de um telescópio dob sem acompanhamento e uma ocular Plossl 10mm.

Pires escreveu:O que eu discuto e discordo é   que  não se consegue  burlar tanto a turbulência atmosférica assim  em uma filmagem manual, alias  3 a 4  filmagens (Lrgb) onde a  pausas,   varias filmagens e  uso de   programas que revertem o "tempo"

O programa não funciona desse jeito que você falou. Só quero que saiba que os melhores astrofotógrafos do mundo também usam o WinJUPOS para compor suas imagens a partir de um vídeo com longa duração. Veja esta incrível foto do Damian Peach, feita com 10 minutos de integração e em LRGB:  

http://www.damianpeach.com/jup1314/2014_02_25rgb0305.jpg


Pires escreveu: fotos desse tipo são altamente manipuladas [...] são fotos artísticas e não fotos  reais  


Não tem nada de manipulação na foto. O que o programa faz é o processo de derrotação que já é amplamente conhecido e utilizado pelos grandes astrofotógrafos do mundo. Basta dar uma passada no site da ALPO-japan e ver que todas os estudos e pesquisas se baseiam em fotos resultantes desse processo. Se fossem só artísticas nenhum astrônomo profissional perderia seu tempo pra criar artigos embasados nessas fotos.

Pires escreveu: sabe muito bem que um alt azimutal (dobsoniano)  complica muito pois não tem como   fazer a  circunferência do eixo polar de uma equatorial e  a imagem de longa exposição   sempre borra...

amanhã os menos informados vão acabar com o estoque de plossl 10mm   das lojas.. rsss
Dpires

Pois saiba que muuitos iniciantes que não possuem condições de investir numa barlow de qualidade estão optando pela projeção positiva com oculares plossl do próprio telescópio, e os resultados estão sendo surpreendentes. Já estou cansado de responder mensagens, todos os dias, orientando essa nova geração de astrofotógrafos.

flavio18
Aspirante
Aspirante

Mensagens : 18
Data de inscrição : 28/03/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Astroavani em Ter 31 Mar 2015, 23:14

Olá Darío!

O fato é que as fotos que eu fiz no braço não excediam 90 seg que era para não deixar rastros em Jupiter.
Era um sufoco e uma correria, conseguir um nº decente de frames em tão pouco tempo tendo que realinhar o planeta na ponta do campo a cada corrida que ele dava.
Nunca passei dos 90 seg, no máximo 120 seg que era pra não ter que apelar e fazer o WinJUpos dar marcha ré no planeta!
Mas admito que este é um processo bem corriqueiro na captura de fotos LRGB e todos que usam este método tem que apelar para isto pois senão seria um borrão só.
Mas é como eu falei né, eu fiz isto depois dos 50, já estava velho e endurecido, esta gurizada nova hoje em dia deve ser como polvo!
Avani.

Astroavani
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 419
Data de inscrição : 03/08/2012
Idade : 57
Localização : Canoas, RS

http://astroavani.no.comunidades.net/index.php

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Pires em Ter 31 Mar 2015, 23:27

Dry escreveu:
Pires escreveu:
Oi Dry. rss. sim   temos que aceitar evolução mas voltar para tras  com um dobsoniano e sem  acompanhamento ca entre nós não é evolução. Evolução é uma NEQ¨pro ou    mais moderna, um CGE pro, Uma outra que  esqueci o nome,   etc.   uma optica impecável e  uma câmera  de  alta qualidade, assim sim evoluímos...
Mas, o resto  deixa pra lá.. ..... é o resto...  
abraço
em tempo: Vai chegar sim na minha idade e dai verá  o que é bom pra tosse rssss.
Rsrsrsrsrs.
Dario, estava me referindo a evolução dos softwares, que como vc mesmo disse chegam a fazer "milagre". Cada dia aparece um novo com mais recursos, que possibilitam edições até então ditas como impossíveis. Também já li sobre grandes telescópios que por meio de computadores conseguem compensar a turbulência atmosférica e exibir imagens tão nítidas como as do Hubble. Da mesma forma que o telescópio vem evoluindo, os softwares, câmeras, oculares etc também continuarão a evoluir, é inevitável. Na minha modestíssima opinião, tudo que se inventar para melhorar, simplificar e sobre tudo diminuir os custos da astronomia amadora, é bem vindo.
OK Dry.
abs

Pires
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 192
Data de inscrição : 06/08/2012

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  flavio18 em Ter 31 Mar 2015, 23:27

Astroavani escreveu:Olá Darío!

O fato é que as fotos que eu fiz no braço não excediam 90 seg que era para não deixar rastros em Jupiter.
Era um sufoco e uma correria, conseguir um nº decente de frames em tão pouco tempo tendo que realinhar o planeta na ponta do campo a cada corrida que ele dava.
Nunca passei dos 90 seg, no máximo 120 seg que era pra não ter que apelar e fazer o WinJUpos dar marcha ré no planeta!
Mas admito que este é um processo bem corriqueiro na captura de fotos LRGB e todos que usam este método tem que apelar para isto pois senão seria um borrão só.
Mas é como eu falei né, eu fiz isto depois dos 50, já estava velho e endurecido, esta gurizada nova hoje em dia deve ser como polvo!
Avani.

Não tenho dúvidas que você conseguirá com tranquilidade fazer uma astrofoto nesse seu novo dob. É um processo relativamente simples, porque o software de captura nos ajuda muito ao permitir que se pause a filmagem e retome depois. Isso permite que poupemos tempo juntando partes de vídeos separadas, como era antigamente.

E quanto ao tempo de filmagem, eu também respeito os 120s de Júpiter, na realidade sempre consigo terminar perto dos 90s em cada canal, devido a taxa de frames(55fps). Mas é bom lembrar que esse é o tempo limite para cada filmagem individual. Quando somamos o tempo de todas essas filmagens em L, R, G e B, é que atinge esse valor de 10 minutos.
Eu posso te enviar os quatro arquivos .TIF da minha melhor foto de Júpiter pra você reprocessar e integrar os canais, caso queira.

Daqui a pouco postarei uma foto de Júpiter que fiz ontem e também uma filmagem da tela do meu notebook onde eu mostro como eu faço o acompanhamento manual bem detalhadamente.

flavio18
Aspirante
Aspirante

Mensagens : 18
Data de inscrição : 28/03/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Daniel Vitor em Ter 31 Mar 2015, 23:48

Astroavani escreveu:Ahhh, antes que eu me esqueça!

Depois que eu vi as fotos do Daniel Vitor (outro de 18 anos!) cheguei a conclusão que a nossa geração já era (eu também passei dos 50!).
Estou firmemente decidido a vender meu setup e me aposentar da fotografia!
Imagina.....,  o rapaz conseguiu pegar até o olho do furacão do hexágono polar de Saturno em uma foto colorida ( nem o Damian ainda fez!) apenas eu e mais um dois no mundo conseguimos isto usando  filtros Long Pass 610 nm e no IR Pass 685 e 742 nm.
Ficar fazendo fotos pra quê, temos que abrir espaço para esta rapaziada genial que está surgindo.
Avani.

Mesmo com a possibilidade de todos os frames capturarem um "ruído" parecido com um furacão em Saturno(rsss), confundindo o AS!2, fazendo com que a imagem final ficasse com essa falsa característica, confesso que teria muito o que aprender com os senhores, e talvez até vice-versa, uma coisinha alí ou outra aqui!
Avaní, se eu tivesse um setup como o seu, eu lembraria da dor nas costas da captura com o dobsoniano, e ficaria feliz demais, mesmo com o esforço ainda maior com o equatorial.

Daniel Vitor
Curioso
Curioso

Mensagens : 6
Data de inscrição : 30/03/2015
Idade : 21
Localização : Minas Gerais - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  flavio18 em Qua 01 Abr 2015, 00:45

Segue uma foto de Júpiter que tirei antes de ontem, 30/03/2015

Melhor resolução: http://www.astrobin.com/full/169007/0/


Também fiz um vídeo da tela do meu notebook enquanto eu fazia o acompanhamento manual pra realizar essa fotografia. Segue o link dele:

https://www.youtube.com/watch?v=3WJb4Kwoz9I

O setup utilizado foi:

Telescópio: Sky-Watcher refletor 254mm dobsoniano f/4.7
Câmera: Expanse 120 mono e roda de filtros Expanse LRGB
Projeção com ocular Plossl 10mm, levando a distância focal para f/18

Foram 1500 frames empilhados por canal no AS!2 e processados no Registax 6. E para compor a imagem colorida a partir das fotos em LRGB, utilizei o WinJUPOS.

flavio18
Aspirante
Aspirante

Mensagens : 18
Data de inscrição : 28/03/2015

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Dry em Qua 01 Abr 2015, 09:13

Daniel Vitor escreveu:

Mesmo com a possibilidade de todos os frames capturarem um "ruído" parecido com um furacão em Saturno(rsss), confundindo o AS!2, fazendo com que a imagem final ficasse com essa falsa característica, confesso que teria muito o que aprender com os senhores, e talvez até vice-versa, uma coisinha alí ou outra aqui!

Daniel, isso quer dizer que o furacão do hexágono polar de Saturno em sua foto não é real, e sim um mero "ruído" ? O problema maior é que esse ruído se concentrou justamente neste ponto. O que pode ter acontecido ?
avatar
Dry
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 1316
Data de inscrição : 05/01/2015
Idade : 53
Localização : Piraí - RJ

https://www.flickr.com/photos/fotosdry/sets/72157632779479445/

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Daniel Vitor em Qua 01 Abr 2015, 13:19

Dry escreveu:
Daniel Vitor escreveu:

Mesmo com a possibilidade de todos os frames capturarem um "ruído" parecido com um furacão em Saturno(rsss), confundindo o AS!2, fazendo com que a imagem final ficasse com essa falsa característica, confesso que teria muito o que aprender com os senhores, e talvez até vice-versa, uma coisinha alí ou outra aqui!

Daniel, isso quer dizer que o furacão do hexágono polar de Saturno em sua foto não é real, e sim um mero "ruído" ? O problema maior é que esse ruído se concentrou justamente neste ponto. O que pode ter acontecido ?

É real, se não fosse, teria que acontecer a "sorte" de todos os frames apresentarem um falso furacão, já que somente processei a foto normalmente, sem qualquer modificação por software.

Daniel Vitor
Curioso
Curioso

Mensagens : 6
Data de inscrição : 30/03/2015
Idade : 21
Localização : Minas Gerais - Brasil

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Júpiter 2014

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 4 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum