Observação do Sistema Solar.

Ir em baixo

spica Observação do Sistema Solar.

Mensagem  Bruno em Ter 04 Mar 2014, 14:51

Data: 03/03 - 04/03/2014
início: 19:00/UT22:00 - término: 06:30/UT09:30
Alvo: Objetos do Sistema Solar.
Instrumento: refrator 4.1/8" (103mm) F15 EQ
Aumentos: 105x - 157x - 175x - 198x - 260x - 305x
Filtros: Moon Crystal - DN25% - Polarizador - #21-laranja - #12-amarelo - #80A-azul - #82A-azul
Seeing esc. Pickering: 6/8


A sessão foi aberta com a passagem da ISS no sentido noroeste-sudeste quando aproveitei para observar com o binóculo 10x50. Foi uma visão extremamente interessante principalmente por causa da coloração avermelhada, adquirida quando ela começava a entrada no cone de sombra da terra.
Com momentos de alternância nas condições atmosféricas e com o seeing variando entre 6 e 8, durante os momentos de estabilidade numa mesma noite eu consegui observar detidamente a lua e mais cinco planetas:

Lua: Apesar da baixa altura sobre o horizonte oeste, com 105x inúmeras crateras e sombras tortuosas delimitavam o terminador do fino crescente lunar, e o filtro Moon Crystal deixou a luz cinérea fortemente contrastada e brilhando com diferentes tonalidades, ora num tom cinza-chumbo ora cinza-azulado.

Jupiter: Com 105x as quatro maiores luas estavam bem afastadas a leste e a oeste, e toda a atenção foi voltada para o disco do planeta, com a Grande Mancha Vermelha (GMV) se aproximando do meridiano central (MC) por volta das 20:00/UT23:00. Com uma ampliação de 260x parte da zona equatorial sul (SEZ) se mostrava com uma forma alongada dentro da faixa equatorial sul (SEB) a oeste da GMV, e a leste essa zona passava pela faixa equatorial entre a borda norte dela e a baía onde fica a grande mancha, seguindo depois para o leste dentro de uma estrutura semelhante a um turbilhão, ou mesmo fragmentos menores da zona e que se "entrelaçavam". No final da zona equatorial sul o turbilhão terminava na zona tropical sul, mas com uma ramificação continuando a leste dentro da SEB. Com a GMV saindo pelo limbo oeste, a grande mancha oval branca (WOS) observada por mim nos últimos 06 dias entrava pelo limbo oeste. Ela continuava com um aspecto ciclônico na borda sul da NEB penetrando na extremidade interior norte da zona equatorial (EZ). A mancha oval pequena que acompanhava a oeste a mancha oval grande desapareceu sem deixar rastros. Um "penacho equatorial" e duas nodosidades também foram observadas na borda sul da faixa equatorial norte (NEB).

Marte: Por causa da quase ausência de configurações escuras com 175x quase todo o disco do planeta brilhava fortemente, e uma coloração alaranjada  dominava por quase toda a extensão do disco. Observando a calota polar norte com o filtro 12-amarelo ela mostrava ter diminuído em relação à última observação. Com uma ampliação de 260x um "colar" escuro parecia apertar a calota polar norte, ao sul Utopia Planitia circundava a região polar e quase no meridiano central o Monte Olimpo brilhava intensamente como um ponto branco. Com 305x Elysium parecia estar perdida ou abandonada nas áreas claras ao sul de Terra Ciméria, que parecia ocultar com uma sombra a região de Hellas que na realidade estava no lado oposto do planeta. Atualmente quanto mais cedo marte for observado mais configurações escuras estarão visíveis.

Saturno: Além de titã mais 4 ou 5 luas brilhavam bem próximas do planeta. Com 157x saturno apareceu colorido e levemente mesclado de tons mais claros no hemisfério norte, principalmente ao norte da faixa equatorial. Com uma ampliação de 260x os anéis mostravam a inclinação mais favorável e generosa dessa oposição, com a divisão de cassini se revelando como uma fenda negra entre o anel A e o B. O anel B mais claro contrastava com o disco do planeta, o anel C estava inteiramente visível diante do globo e este projetava uma sombra negra na porção oeste dos anéis. Uma grossa faixa equatorial de coloração castanha era visível no hemisfério norte, e mais perto do polo um faixa cinza delimitava a zona polar norte contrastando com o resto do planeta. A imagem estava muito "afiada" e creio ter visualizado uma fina e estreita "casquinha" do que resta da região polar sul, antes de desaparecer logo atrás dos anéis. Com 305x saturno ainda mostrava os mesmos detalhes. Foi uma visão soberba.

Vênus: Mesmo com uma ampliação de apenas 105x, uma razão focal 15 e um filtro DN25% vênus só mostrou algum detalhe quando o dia amanheceu e o céu ficou azul. Com 260x agora sem o filtro vênus com um aspecto de crescente mostrava as suas "cúspides" ou pontas do crescente, mais finas nas pontas do que quando aproximava do terminador. Elas afinavam abruptamente fazendo com que o terminador tivesse uma forma quase que retilínea, dando a falsa impressão de que as pontas estavam ligeiramente inclinadas para fora. Uma sombra escura e imprecisa foi notada no hemisfério norte.

Mercúrio: A exemplo de vênus foi com o dia claro que obtive as imagens mais interessantes. Também como um crescente mercúrio apresentava uma fase de forma peculiar, porque além de estreita ela estava quase reta com as pontas menos acentuadas do que as de vênus. Com 260x uma área sombria (Hermes Trismegistis ?) foi observada na altura do equador. Inexplicavelmente vez ou outra essa mancha sombria parecia se espalhar pelos dois hemisférios. Como o crescente de mercúrio estava demasiado fino os detalhes pararam por aí. Algumas surpresas parecem estar reservadas para quem observar mercúrio de forma sistemática nessa atual elongação matutina.
E para fechar a sessão mais uma vez a ISS passou por cima da minha cabeça no sentido sudoeste-nordeste.

O período atual é uma oportunidade rara porque numa mesma noite podemos além da lua crescente, observar também nada menos do que cinco planetas facilmente ao alcance dos nossos instrumentos.
Bruno
Moderador


Última edição por Bruno em Ter 04 Mar 2014, 18:52, editado 1 vez(es)
avatar
Bruno
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 6521
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 56

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Observação do Sistema Solar.

Mensagem  Lucas87 em Ter 04 Mar 2014, 18:50

Belos relatos Bruno!

No sábado, por volta das 8h30 UT da manhã (5h30 horário de Brasília), observei Marte com o mak 102mm e pude notar algumas nuvens à leste e oeste do meridiano central. O que mais me estranhou foi ter notado uma região branca destacada ao Sul, mas Hellas não estaria visível naquele momento, e segundo o WinJupos, apareceria apenas uma finíssima parte da calota polar Sul. Também notei a calota Norte minúscula.

Observei Vênus à luz do dia semana passada e notei uma mancha na região equatorial do planeta, mais para o norte.
avatar
Lucas87
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 619
Data de inscrição : 15/08/2012
Idade : 19
Localização : São José, SC

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Observação do Sistema Solar.

Mensagem  Bruno em Ter 04 Mar 2014, 19:07

Lucas87 escreveu:1-O que mais me estranhou foi ter notado uma região branca destacada ao Sul, mas Hellas não estaria visível naquele momento, e segundo o WinJupos, apareceria apenas uma finíssima parte da calota polar Sul.
2-Observei Vênus à luz do dia semana passada e notei uma mancha na região equatorial do planeta, mais para o norte.
Olá Lucas, atualmente se aventurar noite adentro observando é sucesso garantido.
1-O disco de marte estava muito brilhante, e isso talvez tenha dificultado para mim a observação de algum vestígio da calota polar sul ou de Hellas. É bom monitorar porque nas duas próximas oposições a calota polar sul de marte começará a ficar cada vez mais evidente.
2-De fato vênus e mercúrio à luz do dia estão atualmente mostrando manchas sombrias.
Bruno
Moderador
avatar
Bruno
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 6521
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 56

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Observação do Sistema Solar.

Mensagem  ALEXANDRE YUHASZ em Ter 04 Mar 2014, 19:38

Poxa, essa dissertação sobre a observação, passar a madrugada registrando anotando esses detalhes, poxa, será que um dia irei ter essa habilidade!!! aiai, q saudade das noites estreladas!!!

Oxaaa, que lugar vcs estão que dá essa noite de obsevação........kkkk vou mudar para ai.....rsrsrs

è sempre inspirador esses relatos....fiquei tão empolgado com a rigil kentaurus ontem, olha isso!!!!

abs, num vejo a hora de registra os planetas com a camera e com projeção positiva!!!!

avatar
ALEXANDRE YUHASZ
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 158
Data de inscrição : 10/01/2014
Idade : 43
Localização : SBCampo, abc paulista

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Observação do Sistema Solar.

Mensagem  Bruno em Ter 04 Mar 2014, 21:44

ALEXANDRE YUHASZ escreveu:1-passar a madrugada registrando anotando esses detalhes, poxa, será que um dia irei ter essa habilidade
2-saudade das noites estreladas
3-que lugar vcs estão que dá essa noite de observação
4-fiquei tão empolgado com a rigil kentaurus ontem, olha isso!!!!
Olá ALEXANDRE,
1-É só praticar e perseverar na prática. Infelizmente alguns observadores depois de terem "feito bonito" para os amigos e parentes,  acabam por abandonar e esquecer o instrumento em algum canto. A estes faltou persistência.
2-Realmente a poluição luminosa na atmosfera aumenta a cada dia nos centros urbanos e até nas periferias, e some-se a isso a emissão ininterrupta de poluentes industriais na atmosfera.
3-Eu moro numa zona rural cercada por morros, pastos e algumas matas, mas isso não ajuda muito se na hora da observação a atmosfera estiver instável. Mesmo com o céu estando completamente limpo por aqui, há meses que por causa dos ventos contínuos eu não consigo obter uma imagem nem ao menos perto de estar 100% perfeita.
4-Conseguir numa mesma noite associar a observação dos objetos do sistema solar com a do céu profundo seria o ideal.
Bruno
Moderador
avatar
Bruno
Membro Expert
Membro Expert

Mensagens : 6521
Data de inscrição : 29/10/2011
Idade : 56

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Atualizando

Mensagem  ajc em Qua 06 Jan 2016, 17:29

atualizando algumas informações sobre os alvos para observação:

Nesse ano de 2016 teremos os três principais planetas (com amplas possibilidades observacionais) com oposição no primeiro semestre, como nos anos anteriores e para 2017 também: primeiro Júpiter (que já dá show nas madrugadas), depois Marte (bem mais próximo do que na ultima oposição) e em junho, Saturno, o autentico Senhor dos aneis.

Jupiter em 2016:
nesse mês de janeiro, ele está visível nas madrugadas: em Belo Horizonte isso é sempre vantagem pois a poluição precipita com o orvalho e a atmosfera fica mais transparente. Isso fica mais evidente depois da meia noite, ou seja, nas madrugadas. E mais ainda depois da chuva. Fica mais frio e mais limpo, sempre. Ele vai alcançar altura máxima de 66 graus, aproximadamente. É uma altura confortável para qualquer montagem e provém ótima imagem. Bem melhor que os anos anteriores. E ficará mais tempo no céu que nos anos anteriores também. Estimar os Albedos dos cinturões e observar detalhadamente a GMV são algumas sugestões interesssantes.

Marte em 2016:
promete dar show esse ano. Ele já aparece, bem pequeno, depois de Júpiter, nas madrugadas. Está a 1,626 UA da Terra. Mês que vem estará a 1,312 UA e em Março a 1,019 UA. Em abril começa o espetáculo: estará a 0,742 UA e em maio a 0,554 UA chegando a 0,507 em junho. Muito melhor que nos anos anteriores e três vezes o tamanho aparente atual.

Saturno em 2016:
esse planeta em surpreendido com algumas tempestades gigantescas na região polar, identificáveis em 180x. Ele estará mais observável em abril, dividindo as atenções com Marte em maio e junho.

Fica a dica de dois programas que dão boas informações sobre esses alvos:
1 - Win Jupos Software
2 - Sun, Moon and planets, para Smarthphone com Android.

Abraço a todos e boas observações!
avatar
ajc
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 500
Data de inscrição : 09/11/2011
Idade : 51
Localização : Belo Horizonte / MG

http://astronomiaemusica.no.comunidades.net/index.php

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Planet droid

Mensagem  ajc em Qui 18 Ago 2016, 21:14

Acrescento à lista o software Planet Droid, para android. Ele vem com as principais efemerides de cada planeta, do Sol e da Lua. Sensacional!
avatar
ajc
Astronomo Amador
Astronomo Amador

Mensagens : 500
Data de inscrição : 09/11/2011
Idade : 51
Localização : Belo Horizonte / MG

http://astronomiaemusica.no.comunidades.net/index.php

Voltar ao Topo Ir em baixo

spica Re: Observação do Sistema Solar.

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum